terça-feira, 27 de dezembro de 2011

FLORES: ALEGRIA-DE-JARDIM / SÁLVIA VERMELHA



ARBUSTO SEMI-LENHOSO, DE FOLHAS VERDES OVAIS E PONTIAGUDAS E CAULE RETANGULAR, A SÁLVIA VERMELHA (SALVIA SPLENDENS) TEM FLORES QUE BROTAM DE UM CAULE PERSISTENTE. ELAS SÃO CAMPANULADAS E PODEM TER AS CORES CREME, VERMELHA, ROXA E ROSA -E ATINGIR A ALTURA DE 1,20M. DE FÁCIL CULTIVO, PEDE SOLO SEM EXIGÊNCIAS QUANTO À FERTILIDADE, COM REGAS REGULARES, ABUNDANTES E ESPAÇADAS.

USADA EM RENQUES CONTÍNUOS, FORMA UM BELO TAPETE VERMELHO, VALORIZANDO QUALQUER PROJETO PAISAGÍSTICO. MAS TAMBÉM PODE-SE USÁ-LA NUM JARDIM DE VASOS, QUANDO O OBJETIVO´É UM FOCO MAIS PONTUAL DE COR.

DESTAQUE CÁ: JARDIM JAPONÊS, FORTALEZA





AO CUSTO DE 1,9 MILHÃO DE REAIS E DOIS ANOS DE OBRA, A PREFEITURA ENTREGOU EM ABRIL PASSADO O JARDIM JAPONÊS JUSAKU FUJITA -EM HOMENAGEM AO PRIMEIRO JAPONÊS A FIXAR RESIDÊNCIA EM FORTALEA -UMA COMUNIDADE HOJE COMPOSTA POR CERCA DE 200 FAMÍLIAS.

OCUPANDO OS 1.900M2 DA RAMPA DO GRANVILLE, O JARDIM ACOMPANHA O DECLIVE NATURAL DO TERRENO DISTRIBUINDO-SE EM PATAMARES, LIGADOS ENTRE SI POR RAMPA E ESCADAS. O PROJETO PAISAGÍSTICO CONTAM COM NASCENTE DE ÁGUA, CASCATA, JARDIM VERTICAL, TOTENS, JARDIM DE PEDRAS E UM MINI-LAGO, TRANSPOSTO POR UMA PONTE DE MADEIRA VERMELHA -A MESMA COR DO PAVILHÃO LATERAL.

O GRANDE PROBLEMA DE UMA OBRA DESSE PORTE E COM TAL RIQUEZA DE DETALHES É A MANUTENÇÃO. SUCESSO ENTRE LOCAIS E TURISTAS, O USO INDEVIDO DOS CANTEIROS, O REJUNTE ESCORRENDO SOBRE O CARO GRANITO, A PINTURA VERMELHA JÁ TRINCANDO AQUI E ALI -TUDO DEMANDA CUIDADO NO USUFRUTO DO ESPAÇO.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

DESTAQUE LÁ: JARDIM MAJORELLE, MARRAKESCH












TRATA-SE DE UMA RESERVA NATURAL DE CACTOS, BAMBUS, BUGANVÍLIAS E MUITAS OUTRAS ESPÉCIES QUE ENVOLVEM UMA VIVENDA DE COR AZUL COBALTO E QUE HOJE ABRIGA O MUSEU DE ARTE ISLÃMICA (www.jardimmajorelle.com).

O BELÍSSIMO JARDIM FOI DESENHADO PELO PINTOR FRANCÊS JACQUES MAJORELLE (1886/1962), QUANDO ESTABELECEU-SE EM MARRAKESCH E ADQUIRIU O TERRENO EM 1919. DESDE 1947 É ABERTO À VISITAÇÃO PÚBLICA. APÓS A MORTE DO PINTOR, HOUVE UM PERÍODO DE OCASO ATÉ 1980, QUANDO O CASAL YVES SAINT-LAURENT E PIERRE BERGÉ ADQUIRIU E RESTAUROU A PROPRIEDADE. A ORIGINALIDADE DESSES JARDINS RESULTA DA COMBINAÇÃO DE UMA VEGETAÇÃO LUXURIANTE À ELEMENTOS ARQUITETÔNICOS TÍPICOS DA TRADICIONAL ESTÉTICA MARROQUINA. O PODER DO TOM AZUL -O AZUL MAJORELLE- É MARCANTE E COLABORA COM SUA SENSAÇÃO DE QUIETUDE E FRESCOR.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

TREPADEIRA: SAPATINHO-DE-JUDIA




ORIGINÁRIA DA ÍNDIA, A TREPADEIRA SAPATINHO-DE-JUDIA (THUNBERGIA MYSORENSIS) TEM UNFLORESCÊNCIAS LONGAS E PENDENTES, COMPOSTAS DE FLORES AMARELAS COM MARRON AVERMELHADO. SUA FOLHAGEM DE TONS VERDE ESCURO TAMBÉM É BASTANTE ORNAMENTAL, VALORIZANDO OS TONS DAS FLORES.

INDICADA PARA PÉRGULAS, PÓRTICOS E CARAMANCHÕES, DEVE SER CULTIVADA A PLENO SOL OU MEIA-SOMBRA, EM SOLO FÉRTIL ENRIQUECIDO COM MATÉRIA ORGÂNICA. AS REGAS DEVEM SER REGULARES.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

TOPIARIA: MURTA



NATIVA DA ÍNDIA, AMURTA-DE-CHEIRO (MURRAYA PANICULATA) PODE ATINGIR ATÉ 7M DE ALTURA, GRAÇAS AO SEU PORTE VIGOROSO. O CAULE LENHOSO É MUITO RESITENTE E DE FÁCIL RAMIFICAÇÃO -O QUE ACONTECE QUANDO ELA É PODADA: FORMA-SE UMA DENSA RAMAGEM FOLHADA.

DAÍ SEU USO COMO CERCA-VIVA. ALÉM DE PROTEGER, AMURTA-DE-CHEIRO TAMBÉM PRODUZ FLORES PEQUENAS, BRANCAS OU CREMES, SIMILARES ÀS DAS FLORES DE LARANJEIRA. FOI, CONTUDO, BANIDA DO MEIO RURAL POR SER VETOR DE PROPAGAÇÃO DE UMA BACTÉRIA QUE PODE EXTERMINAR POMARES DE FRUTAS CÍTRICAS...

sábado, 17 de dezembro de 2011

LIVRO: 'ON THE PLOT'


O LIVRO IDEAL PARA QUEM SONHA EM CULTIVAR SUA PRÓPRIA COMIDA, ADEQUANDO-SE À UMA VIDA SAUDÁVEL E PRÓXIMA À NATUREZA. DE AUTORIA DO JORNALISTA E JARDINEIRO JOE HASHMAN (CODINOME DIRTY NAILS OU UNHAS SUJAS), O VOLUME CONTÉM DICAS PRÁTICAS, CONSELHOS SOBRE O CULTIVO ORGÂNICO E OBSERVAÇÕES SOBRE SUA HORTA E SUA COZINHA. É MAIS QUE UM SIMPLES LIVRO DE JARDINAGEM: AS INFORMAÇÕES SÃO APENAS OBJETIVAS MAS TAMBÉM EXPOSTAS DE UM MODO DIVERTIDO E INSPIRADO. COROANDO TUDO, UMA EXCELENTE SELEÇÃO DE FOTOS -TÃO BELAS QUANTO PRÁTICAS...
(FONTE: www.gardenaction.co.uk)

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

FLORES : MINI-LACRE / MINI-IXORA



PLANTA ARBUSTIVA PERENE ORIGINÁRIA DO SUDESTE ASIÁTICO, O MINI-LACRE OU MINI-IXORA (IXORA COCCINEA), É SEMI-LENHOSA, PODENDO ATINGIR ATÉ 2M DE ALTURA. AS FOLHAS TEM ASPECTO CORIÁCEO E FORMAM UMA RAMAGEM COMPACTA. AS FLORES PODEM SER VERMELHAS, ROSAS, BRANCAS OU AMARELAS.
IDEAL PARA LOCAIS ENSOLARADOS, O USO HABITUAL É EM RENQUES, FORMANDO BORDADURAS. USADA EM CULTIVO ISOLADO SEM PODAGEM, PRODUZ BELO EFEITO DECORATIVO GRAÇAS A FLORAÇÃO PERENE DURANTE A MAIOR PARTE DO ANO. OUTRA OPÇÃO É USÁ-LA COMO CERCA-VIVA.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

CAATINGA: PATRIMÔNIO NACIONAL AINDA NÃO RECONHECIDO





APESAR DE SER O ÚNICO BIOMA EXCLUSIVAMENTE BRASILEIRO, A CAATINGA NÃO É RECONHECIDA COMO PATRIMÔNIO NACIONAL EM NOSSA CONSTITUIÇÃO, COMO A MATA ATLÂNTICA, A AMAZÔNIA E O PANTANAL O SÃO. PURO DESCONHECIMENTO DE NOSSOS LEGISLADORES QUE, COMO A MAIORIA DOS BRASILEIROS, DESCONHECEM AS BELEZAS E A BIODIVERSIDADE DESTE ECOSSISTEMA ÚNICO NO MUNDO.

UM EQUÍVOCO QUE A PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO (PEC) 504/10, QUE TRAMITA NO SENADO, ESTÁ TENTANDO REVERTER. A ELEVAÇÃO DA CAATINGA À PATRIMÔNIO NACIONAL CORRIGE UMA INJUSTIÇA HISTÓRICA. COM SUA APROVAÇÃO, A CAATINGA GANHARÁ MAIOR DESTAQUE NO CENÁRIO NACIONAL, O QUE POSSIBILITARÁ A ATRAÇÃO DE NOVAS PARCERIAS E DE RECURSOS PARA A SUA CONSERVAÇÃO E A PROMOÇÃO DE USO SUSTENTÁVEL DOS SEUS RECURSOS NATURAIS.
QUE ASSIM SEJA...

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

DESTAQUE LÁ: JARDIM DE LUZ EM BATH




ENTUSIASTA DOS EFEITOS DA ILUMINAÇÃO, O ARTISTA BRITÂNICO BRUCE MUNRO CRIOU, COM MAIS DE 5000 LÂMPADAS COLORIDAS, O FIELD OF LIGHT -UM CAMPO DE FLORES FORMADO POR PONTOS DE LUZ. SUSTENTADAS POR HASTES DE ACRÍLICO, AS FONTES DE LUZ POSSUEM UMA SUPERFÍCIE FOSCA E SÃO CONECTADAS ENTRE SI POR CABOS ÓTICOS. ESSE CAMPO DE LUZ OCUPA O JARDIM DO MUSEU HOLBURNE, NA BELÍSSIMA CIDADE DE BATH, NO SUDOESTE INGLÊS. ABERTO A PARTIR DE 28 DE NOVEMBRO, FICARÁ EM EXPOSIÇÃO ATÉ 08 DE JANEIRO DE 2012, ILUMINANDO COM GRAÇA E BELEZA AS NOITES INVERNAIS...

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

TENDÊNCIA: JARDINS MÓVEIS




NUMA CONFIRMAÇÃO DA TENDÊNCIA DOS JARDINS PORTÁTEIS JÁ MOSTRADA AQUI COM O BACSAC FRANCÊS (JULHO/2011), QUATRO RECENTES PROPOSTAS DE DESIGNERS VISAM TORNAR O PAISAGISMO MAIS ACESSÍVEL, FOCANDO PRINCIPALMENTE NA MOBILIDADE DOS ANTEPAROS.

CRIAÇÃO DA DESIGNER NANCY WANG, A HORTA EM FORMA DE CARRINHO PERMITE QUE OS VASOS SEJAM REARRANJADOS POR ANDAR, CONFORME A NECESSIDADE DE CADA ESPÉCIE -ALÉM DE REAPROVEITAR A ÁGUA NÃO ABSORVIDA PELAS PLANTAS.

O VAGÃO JARDIM É UMA PROPOSTA DE JOE BADWIN PARA O SISTEMA DE TRANSPORTE PÚBLICO DE CHICAGO, LEVANDO VERDE AONDE PREDOMINA O CINZA E A CONTEMPLAÇÃO AONDE PREDOMINA A PRESSA...

EM ISTAMBUL HÁ APENAS 6M2 DE VERDE PARA CADA 100 HABITANTES. PENSANDO NISSO, A EMPRESA GURSAN ERGIL RESOLVEU CRIAR O ROLLING GARDEN -UM TRAILER ABERTO COM UM BANCO, PLANTAS E FONTE QUE PODE SER TRANSPORTADO POR SEU DONO. A INSPIRAÇÃO É ANCESTRAL: VEM DO IMPÉRIO OTOMANO, QUANDO OS JARDINS ERAM MOVIMENTADOS PELA GUILDA DOS JARDINEIROS EM DATAS COMEMORATIVAS.

JÁ A HOLANDESA ANNEHEIN MEIER PROPÕE UMA COISA MAIS BÁSICA: UMA CARROÇA PUXADA POR UM TRATOR.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

DESTAQUE CÁ: PARQUE DO COCÓ, FORTALEZA



CRIADO POR DECRETO EM 1989, O PARQUE DO COCÓ JAMAIS FOI OFICIALIZADO. EXISTE DE FATO, MAS NÃO DE DIREITO. O PRÓPRIO TAMANHO DA ÁREA VERDE QUE SE FORMA AO REDOR DO RIO QUE NASCE EM PACATUBA E CORRE CERCA DE 50KM ATÉ DESAGUAR NO MAR É UMA ICÓGNITA. A ÁREA ATUAL SERIA DE 1.046,28 HECTARES, COM UMA PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO PARA 1.204,66 HECTARES. A IDEIA É LIMITAR O PERÍMETRO DO PARQUE À ÁREA DE PROTEÇÃO PERMANENTE (APP) JÁ EXISTENTE, QUE CORRESPONDERIA A 90% DA REGIÃO -DEIXANDO DE FORA TRECHOS JÁ OCUPADOS POR EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS.

O COCÓ NÃO É UMA UNIDADE DE CONSERVAÇÃO(UC) ESTADUAL RECONHECIDA PELO MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. PARA TANTO, SERIA CRIADA UMA ZONA DE AMORTECIMENTO -UMA EXIGÊNCIA DA LEGISLAÇÃO FEDERAL- QUE ENVOLVERIA CUSTOS ABSURDOS EM DESAPROPRIAÇÃO ENVOLVENDO BAIRROS COMO PAPICU E CASTELÃO, ÁREAS URBANAS CONSOLIDADAS.

POLÊMICAS RECENTES ENVOLVERAM A MUDANÇA DE CLASSIFICAÇÃO DA ÁREA DE RELEVANTE INTERESSE ECOLÓGICO (ARIE) DAS DUNAS DO COCÓ NO PLANO DIRETOR DE FORTALEZA E A PROPOSTA DE REDEFINIÇÃO DE UM TERRENO DEGRADADO JUNTO AO PARQUE, POSSIBILITANTO CONSTRUÇÕES NO LOCAL. A SOCIEDADE MANIFESTOU-SE E TAIS PROPOSTAS FORAM VETADAS. É PRECISO EXIGIR MAIS: O GOVERNO DESAPROPRIA ÁREAS PARA USINA SIDERÚRGICA, REFINARIA PREMIUM E PARQUES EÓLICOS MAS NÃO TEM DINHEIRO PARA AMPLIAR OS LIMITES DO PARQUE!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

ESPECIAL: MOSTRAS DE DECORAÇÃO 2011 -PARTE 2











ALGUNS DESTAQUES DAS MOSTRAS DE DECORAÇÃO RELIZADAS NO SEGUNDO SEMESTRE DE 2011.
- CASA COR PARÁ:
1. BANHEIRO PÚBLICO MASCULINO -O JARDIM VERTICAL COMPÕE COM O SOFISTICADO MIX DE MATERIAIS USADOS: PASTILHAS DE MADREPÉROLA E MÁRMORE TRAVERTINO LEVIGADO.
2. COZINHA GOURMET : DETALHE PARA A HORTA INCORPORADA À PROPOSTA.

-CASA COR CHILE:
1. PAISAJISMO BAR E SEU JARDIM DE VASOS.
2. GRAN TERRAZA E SEU JARDIM VERTICAL.
3. PEQUEÑO JARDIM FRANCÉS.

-CASA COR BAHIA:
1. BANHEIRO MASCULINO: JARDIM VERTICAL.

-CASA COR BRASÍLIA:
1. HALL DO COLECIONADOR E SALA DE JANTAR: JARDIM VERTICAL COM SAMAMBAIAS E ORQUÍDEAS.
2. JARDIM DA FAMÍLIA.
3. PRAÇA DO ARTISTA.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

CAATINGA: PAU-VIOLETE


CONHECIDA POPULARMENTE COMO PAU-VIOLETA OU JACARANDÁ-VIOLETA, O PAU-VIOLETE OU VIOLETE (DALBERGIA CEARENSIS DUCKE) TEM O NOME DERIVADO DA COR EXUBERANTE DO SEU CERNE -A PARTE INTERNA DO TRONCO. O VIOLETE CARACTERIZA-SE COMO UMA PLANTA ENDÊMICA DA CAATINGA (SÓ OCORRE NESTE BIOMA) QUE PODE ATINGIR 8METROS DE ALTURA E DIÂMETRO DO CAULE DE 15 A 20CM, COM TRONCO ERETO E GALHOS TORTUOSOS.

A MADEIRA DE COR ROXO-ESCURO APRESENTA GRANDE POTENCIAL ECONÔMICO, SENDO UTILIZADA PARA DIVERSOS FINS -DA FABRICAÇÃO DE MÓVEIS E OBJETOS DECORATIVOS À CONFECÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS, CAIXAS, ESTOJOS ENTALHADOS E CABOS DE FACA. DIVERSOS MÓVEIS DE DOM JOÃO VI E NAPOLEÃO BONAPARTE FORAM CONFECCIONADOS COM MADEIRAS DESSA ESPÉCIE. O ALTO PREÇO OBTIDO LEVOU A ELEVADOS ÍNDICES DE EXPLORAÇÃO -A ESPÉCIE ENCONTRA-SE EM PERIGO DE EXTINÇÃO NO ESTADO DO CEARÁ. DEVIDO A IMPORTÂNCIA CULTURAL E ECONÔMICA DO VIOLETE, TORNA-SA DE EXTREMA IMPORTÂNCIA O PLANTIO DE MUDAS EM PROGRAMAS DE REFLORESTAMENTO E REPOSIÇÃO FLORESTAL, PRINCIPALMENTE EM ÁREAS DE MATA CILIAR.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

PRANCHETA: JARDIM CONGREGAÇÃO RELIGIOSA



PROJETO DE PAISAGISMO PARA JARDIM FRONTAL DE SEDE ADMINISTRATIVA DE CONGREGAÇÃO RELIGIOSA. A PROPOSTA É VALORIZAR A FACHADA DO PRÉDIO, REDEFININDO A CIRCULAÇÃO DE ENTRADA COM A CRIAÇÃO DE UMA ESCADA CENTRAL EM COMPLEMENTAÇÃO AS RAMPAS LATERAIS. OS CANTEIROS CRIADOS RECEBERÃO UMA ALÉIA DE BUXINHOS (1) COM TOPIARIA REDONDA SOBRE FORRAÇÃO DE HERA ROXA (2) . UMA ÁREA DE GRAMADO (GRAMA ESMERALDA -03) RECUPERARÁ A PERMEABILIDADE DO SOLO. JUNTO AO MURO COM GRADIL, UM RENQUE CONTÍNUO DE ESTRELÍTZIA (4) TRARÁ COR AO CONJUNTO.